Canteiro dos girassóis

Desvelando o sol poético.

Textos


ACREDITE....
Guida Linhares

Que coração seria o meu, para te olhar como algo fugaz e passageiro?
Admiro as tuas qualidades, o teu jeito de ser, as tuas quimeras.
Como poderia te ver como alguém que esteja passando ligeiro,
falando de amor e de carinho e não acreditar deveras?

Sim meu querido, dentro de você existe um universo,
pleno de encantos nascidos de uma vida de alegrias e tristezas.
Teus mistérios irão se desvelando, verso e reverso
à medida que nossos corações buscarem todas as realezas.

Poderei ser tua amiga, irmã, amante e confidente.
Um suave travesseiro onde descansarás a tua cabeça.
E me contarás de teus sonhos, ilusões e visões da tua mente.
Eu te escutarei como a fada que torce para que tudo de bom te aconteça.

Serei mais do que um ombro, serei corpo e alma presentes.
Serás muito importante para mim. Serás o sol que aquece o meus dias.
Serás o meu muso inspirador e eu a tua musa sem precedentes.
Veja em meus olhos, o que tenho para te dar: muito amor e alegrias.

Não fiques tão ansioso pelo dia de amanhã. O de hoje basta,
para que possamos estar juntos, ainda que bem distantes fisicamente.
Se cultivarmos com carinho e atenção a sementinha da ternura casta,
poderemos colher as flores de um sonhar despertado por um desejo ardente.

Santos/SP/Brasil
02/08/08

***

Guida Linhares
Enviado por Guida Linhares em 01/12/2009


Comentários



Site do Escritor criado por Recanto das Letras